logo

ERPI

Por Estrutura Residencial para Pessoas Idosas, doravante designada por ERPI, pretende-se fazer referência a um estabelecimento para alojamento coletivo, de utilização temporária ou permanente, em que sejam desenvolvidas atividades de apoio social e prestados cuidados de enfermagem.

A ERPI rege-se pelos seguintes princípios de atuação:

    ✎ Qualidade, eficiência, humanização e respeito pela individualidade;
    ✎ Interdisciplinaridade;
    ✎ Avaliação integral das necessidades do residente;
    ✎ Promoção e manutenção da funcionalidade e da autonomia;
    ✎ Participação e corresponsabilização do residente ou representante legal ou familiares, na elaboração do Plano Individual de Cuidados.

Constituem-se como principais objetivos da ERPI:

    ✎ Proporcionar serviços permanentes e adequados à problemática biopsicossocial das pessoas idosas;
    ✎ Contribuir para a estimulação de um processo de envelhecimento ativo;
    ✎ Criar condições que permitam preservar e incentivar a relação intrafamiliar;
    ✎ Potenciar a integração social;

Como principais actividades e serviços aqui prestados, resumem-se:

    ✎ Alimentação adequada às necessidades dos residentes, respeitando as prescrições médicas;
    ✎ Cuidados de higiene pessoal;
    ✎ Tratamento de roupa;
    ✎ Higiene dos espaços;
    ✎ Atividades de animação sociocultural, lúdico-recreativas e ocupacionais, que visem contribuir para um clima de relacionamento saudável entre os residentes e para      a estimulação e manutenção das suas capacidades físicas e psíquicas;
    ✎ Apoio no desempenho das tarefas da vida diária;
    ✎ Cuidados de enfermagem, bem como o acesso a cuidados de saúde;
    ✎ Administração de fármacos, quando prescritos.

A ERPI deve permitir ainda:

    ✎ Convivência Social através do relacionamento entre os residentes e destes com os familiares e amigos, com os cuidadores e com a própria comunidade de acordo      com os seus interesses;
    ✎ Participação dos familiares ou representante legal, no apoio ao residente, sempre que possível e desde que este apoio contribua para o bem-estar e equilíbrio      psicoafectivo do residente;

Para além destes serviços, poderá ainda disponibilizar outro tipo de serviços, visando a melhoria da qualidade de vida do residente, nomeadamente:

    ✎ Assistência religiosa, sempre que o residente o solicite ou, na incapacidade deste, a pedido dos seus familiares ou representante legal;
    ✎ Animação Musical – 1 vez por semana;
    ✎ Educação Física - 1 vez por semana.

A Comissão de Melhoramentos de Vilamar poderá, também, facultar o acesso a um conjunto de atividades, serviços e produtos que não se encontram incluídos na Comparticipação Familiar Mensal e que poderão ser usufruídas mediante pagamento das mesmas, tais como:

    ✎ Consulta Médica;
    ✎ Fisioterapia;
    ✎ Corte de cabelo e depilação;
    ✎ Produtos de higiene e conforto, nomeadamente, pensos, plantam, fraldas, resguardos, gel de banho, creme hidratante, espuma de barbear, giletes e toalhetes.

Voltar às Respostas Sociais